08000123737   19981004714

Obras de Saneamento vão remover e tratar 100% do esgoto da Gruta Dainese até 2024

O prefeito Chico Sardelli anunciou na terça-feira (06/09), obras de saneamento que irão coletar e tratar, até o final de 2024, 100% do esgoto que atualmente é despejado na Gruta Dainese há décadas. A primeira fase das obras já começou e deve ser concluída em aproximadamente 12 meses, com investimento na casa dos 10 milhões.

O conjunto de obras, previsto para ser concluído até o final de 2024, irá coletar e tratar 100% do esgoto que hoje é destinado ao córrego da gruta. Os trabalhos serão divididos em duas partes. A primeira na margem esquerda da gruta, e a segunda na margem direita.

O prefeito Chico Sardelli destacou que as obras irão permitir a remoção completa do esgoto despejado na Gruta Dainese, resolvendo um problema que já dura décadas.

“Essa ação está em nosso plano de governo e é uma grande alegria poder iniciar a concretização de um sonho. Nosso objetivo é devolver a Americana uma de suas principais belezas naturais, para que a gruta volte a ser um ponto turístico, um espaço de estudo e educação ambiental, um local preservado, onde as famílias possam passear e ter contato com a natureza”, afirmou Chico.

O vice-prefeito Odir Demarchi também comemorou o anúncio. “Estamos falando de uma obra histórica, que vai beneficiar a todos e cuidar do nosso patrimônio ambiental. Uma reivindicação antiga e um sonho que vai se realizar”, disse.

SOBRE AS OBRAS

A primeira parte terá três fases, com previsão de conclusão em 12 meses. A primeira fase já foi iniciada pelo próprio DAE (Departamento de Água e Esgoto), com investimento de R$ 500 mil, e contrapartida da empresa Loteamento Industrial Jair Zanaga na execução.

Essa fase consiste na instalação dos coletores finais do esgoto, desde a ETE (Estação de Tratamento de Esgoto) Balsa até a Avenida Florindo Cibim. Os tubos já foram adquiridos pela autarquia e estão sendo instalados.

A segunda fase seguirá com a instalação de mais coletores e emissários de esgoto na região dos bairros Jardim da Paz, Parque da Liberdade e Parque Gramado, com investimento total de R$ 8,5 milhões, sendo R$ 7,2 milhões do PAC (Plano de Aceleração do Crescimento) e R$ 1,3 milhões do DAE.

Por fim, a terceira fase contará com a instalação de três EEE (Estações Elevatórias de Esgoto) em linha, com investimento de R$ 1,2 milhão do DAE.

Na segunda parte do conjunto de obras, o alvo será a margem direita do córrego, com a instalação de coletores e a construção de uma nova ETE (Estação de Tratamento de Esgoto) para tratar os resíduos dos bairros Morada do Sol, Parque das Nações, São Roque e parte do Parque Gramado. Esse bloco ainda está em fase de elaboração do projeto.

O superintendente do DAE, Carlos Zappia, explicou que as obras vão contribuir para elevar o índice de coleta e tratamento de esgoto da cidade como um todo. “É uma obra de suma importância, que há muitos anos precisa ser feita. É uma obra grande, com investimento alto, com mais de 2 mil metros de rede, e que vai nos colocar próximos de ter 100% do esgoto tratado e coletado em Americana como um todo. Vamos devolver a condição natural da Gruta e isso é motivo de muito orgulho”, disse Zappia.

Texto: Leon Botão
Foto: Susy Coutinho

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.